terça-feira, 17 de junho de 2008

Doce Lua




12/07/2006 - Quarta-Feira

Oh lua, és tão doce
Seu brilho, aos apaixonados ilumina
E aos enamorados fascina
Pra todo o sempre bela tu foste

Queria ser seu mais nobre habitante
Se não, seus traços minuciosos tocar
Ou de mais perto poder te apreciar
Nem que para isso tivesse que ser um mutante

Lua doce lua
Tens a perfeição de uma linda mulher nua
Sois meu carma

Por vezes me serviu de inspiração
Por noites cicatrizou as feridas de meu coração
És meu alento

Nem preciso falar néh, sem palavras, linda, querida lua linda. De um fragmento de uma música, faço uma pequena adaptação: "Tu és, a criatura mais linda, que meus olhos jã virão". Doce lua.


AUTOR: Maico Fernando Costa

Nenhum comentário: