quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Mulher - Anni, Âmago Mar

24/09/2009
Mulher, estrela aurora aura encantadora
Estonteante paixão rasante meiga sedutora
Espelho de amor, musa saudosa flor
Mulher, mulher, mulher, mulher

Envaidecida lua, rainha, vangloriado céu
Cintilante estrela, princesa graça guia
Noite imensidão. Cegueira? Não, és visível visão
Dia meu, miraculosa almejante razão

Escraviza-me em ti
Refaça-me viver
Enriqueça nobre ser
Seja esse, aquele, aqui, este querer
Prenda-me coração
Não largue, não solte mãos!
Plante jardim
Floresça minha jasmin

Perene luz, rainha de meu céu
O todo, o tudo
Sabe doce mel
Astro sol, rico mundo
Perfeita linda, glamorosa, nossa vida
Mulher, mulher, mulher, mulher

Neste emaranhado de audácias
Suposições, calúnias, indagações
Baleados os personagens
“E gira”, a música permanece a mesma

Quisera transparecer, explícita, mostra interpretação
Conglomeradas miragens
Constrói-se nas barreiras, obstáculos oculares
O amor se faz o mesmo
O Apreço não se submete ao preço



M. F. C


Motivo: poesia adaptada de composição musical, a qual, contruibui com a letra e meu caro amigo Danilo contribuiu com a melodia e cifras.

Um comentário:

Pedro Garcia Millan disse...

ALERTA!

La estafa automotriz mas grande en el territorio Mexicano…

Para MAS informacion pinche:

http://expoauto.blogspot.com/

Gracias